quarta-feira, 30 de junho de 2010

Mudanização eclesiástica

Romanos 12:1-2 - " Rogo-vos, pois, irmãos, pela compaixão de Deus, que apresenteis os vossos corpos em sacrifício vivo, santo e agradável a Deus, que é o vosso culto racional. E não sede conformados com este mundo, mas sede transformados pela renovação do vosso entendimento, para que experimenteis qual seja a boa, agradável, e perfeita vontade de Deus."

A observção cuidadosa das práticas orgânicas nas igrejas têm nos levado a concluir que esses organismos estão sendo compostos por pessoas que não conhecem a quem estão servindo.
Realizando um exame cuidadoso da teologia interna dos indivíduos verificamos que:

  • A igreja, em sua maioria, procura confessar o sacerdócio individual, sem a necessidade de outro mediador, a não ser Jesus Cristo, mas na prática, está sacralizando o ofício pastoral tanto na liturgia quanto na espiritualidade do corpo.

Cria-se a expectativa de um pastor 'ungido', de onde deriva o poder emanado do alto para o povo. Impossível para o cristão, declarado 'comum', suportar o tal do 'preço a pagar' para ter um tantinho dessa pseudo-espiritualidade tão idolatrada pela maioria. IDOLATRIA inequívoca e absurda onde um homem centraliza o uso dos dons e da prática de milagres. Esse princípio luciferiano amarra os mais incautos ao homem que está na liderança deste ou daquele ministério, chegando ao absurdo de determinar as decisões da consciência individual e a 'amaldiçoar' quem sai das suas 'ordens'.

  • Em sua maioria, as pessoas têm a Bíblia muito mais como objeto místico de adoração e temor do que como regra de fé e prática. Isso resulta numa questão perigosa, que é a ignorância quanto ao livre exame das escrituras, ignorância esta que está sendo fomentada na igreja.

Não se ensina mais ao povo que cada um tem o direito e o dever de examinar individualmente e livremente as escrituras. Já que esse 'livro divino' passou a ser objeto de adoração, não mais será possível ao 'leigo' compreender o que está contido ali. Que direitos o cristão tem? Qual a verdadeira vontade de Deus para a vida dos chamados 'filhos de Deus'? Se o pastor é sacralizado, e a Bíblia retirada do exame livre, resta ao povo o cultivo da santidade das palavras, proferidas pelo pastor. Como poderá errar o 'ungido do Senhor'? Identificamos, então, práticas litúrgicas e espirituais que estão mais parecidas com rituais de feitiçaria e culto a demônios que um CULTO RACIONAL.

  • As pessoas estão na mais completa ignorância escriturística e são deixadas assim PROPOSITADAMENTE POR SEUS LÍDERES PSEUDO-ESPIRITUAIS. Como objeto místico de adoração e temor a Bíblia deixa de ser um livro de fácil acesso e compreensão para se tornar em algo que só os 'verdadeiramente iniciados, doutores da lei' conseguem compreender.

Dita uma máxima que: Daquilo que não conheço, não posso questionar. Se o corpo eclesiástico não conhece a VERDADE REVELADA DO CARÁTER DE DEUS, como questionará absurdos teológicos pregados em suas igrejas? Seguem sendo devorados por lobos, ignorantes quanto ao direito adquirido na Cruz do Calvário. E continuam 'pagando promessas', beijando o anel do 'sumosacerdote', sendo tolhidos em sua espiritualidade. Dirigidos por Ególatras Loucos e Cegos, tem sua fé e verdadeira autoridade espiritual diante de Deus anulada.
A ignorância quanto aos PRINCÍPIOS VERDADEIROS DA PALAVRA, muito mais que criar crentes ignorântes, quanto aos seus direitos, molda a fé destes, numa distorção espiritual, num relacionamento deturpado, com um deus PROSTITUÍDO, gerando aí, IGREJAS INEFICAZES EM SUA AUTORIDADE E PROPÓSITO ESPIRITUAL.
Que tipo de crentes sairão disso? Pessoas doentes emocionalmente, moralmente instáveis e inócuas em sua fé.
Vemos um número cada vez maior de pessoas na igreja, mas essas igrejas NÃO ESTÃO MAIS TRANSFORMANDO NINGUÉM. Não se concretiza o culto RACIONAL e não há mais a transformação dos 'Jacózinhos' em 'Israel'.
Serão pessoas, agindo no mundo espiritual, com PRÁTICAS E PRINCÍPIOS DIABÓLICOS, MÉTODOS PSICOCRISTIANIZADOS E HUMANISMO ATEU.
Deus perdeu seu espaço na razão de ser e existir da igreja. A QUEM SE ESTÁ ADORANDO ENTÃO?

Autora: Ana Elisa Dantas de Souza Pires
Fonte: [ Amigos do Puritanismo ]

Via: Bereianos

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário.Mas faça isso, sempre com respeito,com palavras,que edifiquem e abençoe aos leitores.Pois assim o fazendo estaremos exalando o Bom perfume de Cristo.A sua opinião é muito importante .Fico grata por sua visita.

Pesquisar este blog

"Todo aquele que ler estas explanações,quando tiver certeza do que afirmo,caminhe lado a lado comigo;quando duvidar ,como eu,ivestigue;quando reconhecer que foi seu erro,venha ter comigo;se o erro for meu,chame minha atenção.Assim haveremos de palmilhar juntos o caminho da caridade em direção áquele de quem está dito:Buscai sua face".Agostinho de Hipona

Minha lista de blogs

Para pensar

"Estudo a minha Bíblia do mesmo modo que colho maçãs.Primeiramente,chacoalho a árvore toda,de forma que os frutos maduros caiam.Depois,chacoalho cada galho,e quando já chacoalhei todos os galhos,chacoalho cada ramo e cada ramificação.Então,olho embaixo de cada folha"
Martinho Lutero

Coroa de espinhos

"Eu não ousaria usar uma coroa de ouro na terra onde o meu Senhor usou uma coroa de espinhos"

Charles H.spurgeon

Pedagogia de Jesus

Pedagogia de Jesus

Escola Bíblica Dominical

Escola Bíblica Dominical
O que ensina esmere-se no fazê-lo.

O Desejo de servir

Um dos elementos essenciais para a qualificação de um professor é o interesse que deve ter pelo povo e o desejo de servi-lo bem,de ajudá-lo.Sem esta qualidade, o mestre será "como o metal que soa,ou como o címbalo que retine",muito embora conheça bem a Bíblia, o discípulo e os métodos de ensino.Nada pode suprir a falta de interesse pelo bem estar de nossos semelhantes.Saber enfretar uma grande classe,possuir boas estatísticas, ou conhecer de sobejo os melhores métodos de ensino não constituem substituto a´propriado para aquele profundo interesse que devemos ter pelo próximo.

Lobo com pele de cordeiro

Lobo com pele de cordeiro
Cuidado

Falsos mestres

Existem líderes(pessoas) divorciadas de qualquer profundo compromisso com Cristo.
E pior muitas vezes tais pessoas assumem posição de influência,tornam-se arcanjos da comunidades vestem-se de pastor,falam como teólogos,ensinam como mestres,insinuam-se profetas.Esses são os disimuladores...Judas vs 4

D.L. Moody

'Nossa época ainda está para ver o que Deus pode fazer usando um homem cuja vida seja inteiramente comprometida com Ele".

Moody disse: Eu serei este homem.

Evangelista

Evangelista
Amor pelas almas

Amor em ação

Amor em ação